Ads Top

Resenha: Depois daquela viagem


“Lá fora é noite e faz escuro. E perdida na escuridão está a Lua. E perdida nessa imensidão estou eu. ”

“Só então eu me dei conta de que, em vez de ficar tentando formar ideias a respeito dos outros com base nesses pré-conceitos (a maioria furados), eu deveria simplesmente prestar atenção no que aquela pessoa tinha a me dizer. O que ela, como ser humano, tinha lá dentro de si. E foi então que eu descobri coisas maravilhosas. Algumas até que jamais imaginei encontrar. Descobri uma coisa triste também. Quantas pessoas eu havia deixado de conhecer, quantas coisas eu havia deixado de aprender por causa desses malditos preconceitos? ”


Valéria descobriu, ainda muito jovem, que era soro positivo. Não, Valéria não era assanhada, atirada ou, vadia. Contraiu o vírus do namorado que conhecera em um cruzeiro anos atrás e que a família toda amava, afinal na frente deles, era aquele bom moço que todo pai deseja como genro. Mas como explicar isso para alguém, diante de tanto preconceito? Se hoje em dia a palavra AIDS ainda assusta tanto, imagine nos anos 80.
Resolveu então esconder a doença de todos e aprender a conviver com sua nova realidade, buscando conforto apenas em si mesma. Aprendeu a ver o mundo com novos olhos, aproveitar os momentos, já que não sabia se poderia planejar seu futuro, visto que na época, possuir o vírus HIV era sinônimo de morte.
Não parou sua vida por isso. Viajou ao exterior para estudar, onde começou seu tratamento. Porém, ainda evitava qualquer tipo de relacionamentos, e aos poucos, começou a se afastar de seus amigos também. Durante sua viagem, Valéria adquiriu muito conhecimento sobre o assunto, e ao voltar para o Brasil, tomou coragem e contou a situação para seus amigos e familiares, os quais deram todo o apoio possível.

Depois daquela viagem traz um assunto tão importante e ao mesmo tempo tão cheio de tabus para os jovens em forma de um bate papo informal. A história é real, o que cativa ainda mais o leitor na luta diária de Valéria. A história é narrada em um tom divertido, mostrando o lado que poucas pessoas conhecem. Valéria não é só uma portadora do vírus HIV. Valéria é uma jovem garota conhecendo o mundo e entendendo a vida, assim como qualquer pessoa de 18 anos.
Essa história conquistou meu coração. Terminei de ler, reli e indiquei para todo mundo. É aquele tipo de livro que faz você pensar. Que faz você querer mudar. Que faz você querer aproveitar mais cada segundo. E foi exatamente isso que ele fez comigo.  

Ficha técnica:
Título: Depois daquela viagem
Título Original: Depois daquela viagem
Autor: Valéria Piassa Polizzi
Editora: Ática
Ano: 2003


Um comentário:

  1. Eu amo esse livro! Me fez rir, me emocionar. Eu lia até andando na rua.

    ResponderExcluir

Entre Cartas e Amores - Blog de textos, comportamento, amores e resenhas literárias. Conta pra gente o que você achou ♥

Tecnologia do Blogger.
UA-80596339-1