Ads Top

Ele não é tão ocupado assim


Não, ele não é tão ocupado assim. Eu sei que ele tem os compromissos dele, que as vezes fica difícil de responder naquele horário, que  ele não vai poder atender sempre a sua ligação ou ficar até de madrugada jogando conversa fora porque ele precisa trabalhar no outro dia. Eu sei que as vezes tempo é complicado, que a rotina é pesada e que nada é mais atrativo que a nossa cama por horas ininterruptas. Eu sei que nem sempre é por mal.

Mas eu sei que quando você acorda a primeira coisa que  faz é pegar o celular e enviar uma mensagem de bom dia para ele, esperando que ele realmente tenha um dia bom. E eu sei que a resposta dele só vem depois do meio dia, economizando caracteres com um seco agradecimento e nenhuma continuação de assunto. Eu sei que você finge não ligar, que faz o possível pra não se atucanar e espera até de noite pra poder ligar por medo de que se fizer durante o dia você vá atrapalhar.

Eu sei que você fica em casa sozinha, sentada na frente da janela vendo lá em baixo aquele tanto de casal feliz passar, enquanto imagina que o telefone vai tocar pra ele dizer que já tá chegando pra vocês saírem por aí e fazer aquelas coisas bestas que o cinema te ensinou a amar. E eu sei, mesmo que você não queira admitir nem para si mesma, que você já tá cansando de esperar que esse dia realmente vá chegar. Tá cansada de esperar que ele te coloque em primeiro lugar uma vez que seja, só pra variar.

Eu sei que no fundo você sabe que eu não estou inventando ou tentando fazer parecer uma coisa que não é. Eu sei de todas essas desculpas que você adora repetir sem parar para você mesma na esperança de que uma hora você passe a acreditar. Mas vem cá, você realmente acha que essa história ainda pode se transformar?

Talvez ele realmente goste de você, não tô dizendo que não. Mas o seu olhar triste sempre que recebe uma mensagem dele não parece algo bom. É aquela velha história de que a gente faz o nosso tempo.  De que não tem desculpa quando a gente quer. Eu sei que ninguém é cem por cento disponível, mas ninguém é cem por cento ausente quando gosta de alguém também.

Você não precisa desistir de amar, mas precisa parar de se culpar pela ausência de alguém que não quer estar presente. Porque quando a gente quer, a gente dá um jeito. O seu dia também é correria, também é ocupado e isso não te impede de demonstrar tudo que você sente, de sempre querer estar presente.

Eu sei que esse discurso pra você já não é novidade. Sei que seu travesseiro já foi testemunha de muitos monólogos como esse. Sei que você já chorou e pensou em jogar tudo pro alto nas noites em que não conseguiu se convencer com as desculpas que criou.

Quanto tempo já vai fazer que ele não tira um tempo pra te ver? Duas semanas, um mês? Eu sei que vocês não moram um do lado do outro, que não é tão perto assim. Mas 20 minutos de trem e ele tá aqui. Fim de semana é só ele te ligar que você sai correndo pra onde for se puderem se encontrar. Mas e ele ligou? Porque eu sei que não, sei que ele deu desculpa e cancelou. Por mensagem.

Ninguém é tão ocupado assim. Não quando se ama. Não quando se quer estar perto. A gente corre, cruza a cidade, dorme um pouco menos mas a gente nem dá bola porque sabe que compensa. Sabe que a companhia do outro vale mais do que o esforço. Que nem é esforço, porque quando a gente ama e quer de verdade, a gente não vê dificuldade.



34 comentários:

  1. Adorei a parte "Você não precisa desistir de amar, mas precisa parar de se culpar pela ausência de alguém que não quer estar presente."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre que a gente se encontra numa situação de amor unilateral acha que a solução é deixar de amar, quando na verdade ela é só deixar de se preocupar com quem não se preocupa com a gente e poder amar em dobro.

      Excluir
  2. Que texto incrível! É isso mesmo, quando a gente quer a gente dá um jeito. Não importa qual, mas a gente dá. Amo seus textos Karoline!

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto! Muito intenso e verdadeiro. Quando a gente ama sempre dá um jeitinho de se fazer presente, nem sempre é da forma que queremos, mas achamos uma forma.bjs
    www.pilateandosonhos.com

    ResponderExcluir
  4. Acho que isso não vale apenas para um relacionamento, vale para amizade também. É ruim quando só você corre atrás de algo e vê que a outra pessoa nem se importa pelas coisas que você faz. Nessas horas acho que antes deixar pra lá e ser sozinho do que não ter reciprocidade.

    Memórias de uma Guerreira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo ponto. Quando a gente se importa, seja com amigos, parceiro e até mesmo família, a gente sempre dá um jeito.

      Excluir
  5. É tão difícil pra mim ler isso hoje em dia sabendo que eu precisei que acabasse para perceber isso tudo, o tanto que fazia mal apesar de fazer bem. Claro que a identificação não é com o post inteiro, cada caso é um caso, mas em alguns pontos, nossa.... Eu me vi aí. E não é fácil!
    Mas é isso aí, não é pra desistir de amar! É pra amar DEMAIS, mas sabendo se livrar do amor que não faz bem. Porque amor de verdade é bom, não tem como não ser!

    (Sério, chorei um pouquinho...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que todo mundo passa por algo assim alguma vez. O importante é exatamente isso: saber se livrar daquilo que não faz bem pra poder amar muito mais as coisas/pessoas que nos fazem feliz.

      Excluir
  6. Só podia ser librianaaaaa, hahahaha.
    Amei demais seu texto, bem intenso.
    Quem quer faz o impossível, quem não quer arruma desculpa.


    www.oxentebonita.com

    ResponderExcluir
  7. sabe, acho que isso serve pra tudo: quando a gente quer, a ente dá um jeito, a gente arruma tempo, arruma soluções, não desculpas.

    nunca passei por isso, mas conheço muita gente que passa e é... bem tendo!

    adorei seu texto ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já passei por isso e provavelmente também já fui a pessoa que arranja desculpas. É sempre uma situação delicada, porque quando a gente envolve sentimento e a coisa é unilateral, complica muito a nossa cabeça e o coração nem se fala. Mas é isso aí: quando a gente quer, quando se importa a gente arruma solução e não desculpa.

      Excluir
  8. Que texto legal, acho que já comentei aqui que gosto muito da maneira como você escreve. Parabéns pelo belíssimo trabalho.

    ResponderExcluir
  9. Que texto incrível, você escreve muito bem <3
    Eu concordo com cada parte do que vc escreveu, quando a gente quer, a gente dá um jeito e ngm é tão ocupado que não te reserve um tempinho. Acho que longe disso ser amor ou até mesmo com amizade.
    Parabéns pelo texto, conseguiu tocar de forma profunda <3

    Beijos,
    pinguimtagarela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não existe ninguém tão ocupado assim pra amar. Se tá ocupado nesse nível é porque não quer.

      Excluir
  10. Eu tenho um sério problema com isso rsrs decidi não me casar u ter filhos pq amo mais minha carreira e tenho certeza que deixaria o marido e o filho em segundo e terceiro planos. Não que eu não possa ou consiga amar alguém mais do que a minha profissão, mas hoje meu foco é ela. Então eu sou dessas que deixaria esperando, que não apareceria no encontro, que viraria noite fazendo um relatorio rsrs Acho que pq hj o meu amor incondicional é pela carreira rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim como todo mundo passa pela parte de ser a pessoa deixada de lado, em algum momento a gente também é aquela que deixa de lado. Mas você está certíssima, focando naquilo que lhe faz bem e optando por não deixar ninguém em segundo plano.

      Excluir
  11. Queria repostar esse post para tantas pessoas que conheço...muito inteligente e verdadeiro!

    Beijocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu postei ele justamente por isso: vejo tanta gente sofrendo em relacionamentos unilaterais que não dá pra ficar indiferente, então a gente tenta dar esses toques sutilmente haha

      Excluir
  12. Sua escrita é muito bonita, Karoline. A propósito, adorei o trecho que você pôs na sua descrição "Vê na escrita uma forma de cuidar da alma, do coração" Muito puro! ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre escrevi pra tentar curar aquilo que doia ou causava nós na cabeça, então ela sempre teve esse fator importantíssimo de cuidar da minha alma e do meu coração <3

      Excluir
  13. Sabe aquele texto que todo mundo tem que ler? Sei que está voltado para mulheres mas já vi uns garotos nessa situação e o que você fala é perfeito. Eu hoje me encontro feliz com alguém que me ama e da atenção e o devido valor que eu mereço, mas já estive em relacionamentos que foram horríveis e desgastantes onde so eu amava e me importava. É muito ruim, a pessoa chega a desistir de amar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, assim como existem mulheres nessa situação, existem homens também. Eu já estive dos dois lados: de quem amou de mais e de quem amou de menos. Mas a real é que todo mundo merece um amor que lhe faça bem, que não só lhe preencha, mas que transborde.

      Excluir
  14. Concordo com o texto do início ao fim. É muito ruim ainda quando a pessoa costuma ser atenciosa e do nada ela pára, e você fica ansiosa pra receber uma mensagem dela, e nada. Lembro que eu fazia de tudo, passava 1 hora viajando, pegava 3 ônibus, chegava primeiro no encontro e ainda esperava. Mas como é uma relação de interesses, a pessoa ignora tudo isso. E a trouxa na verdade é ela. A gente nunca perde por amar de verdade e se entregar sem medir esforços. O ato de se afastar já diz tudo. É uma pena passsar por tudo isso e ainda acreditar que aquela pessoa goste realmente da gente. Uma dose de realidade e um tapa na cara é bom.

    Juhlihipy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com você Ju, a gente nunca perde por amar! Perde quem não valoriza nosso amor, porque a gente que acredita nisso, se machuca, mas levanta a cabeça e abre o coração de novo, porque sabe que amor é lindo, que amor faz bem.

      Excluir
  15. É aquele velho ditado que minha mãe sempre se atreve a repetir "Quem quer dá um jeito,quem não quer,dá desculpa". Seu texto foi leve tapa na face, um heloooooo acorda. Obrigada pela lágrima no cantinho do olho que você me proporcionou.

    Sucesso pra ti.

    ResponderExcluir
  16. Eu amei seu texto. Sabe, eu identifiquei alguns amigos com ele, principalmente quando você diz "Você não precisa desistir de amar, mas precisa parar de se culpar pela ausência de alguém que não quer estar presente. Porque quando a gente quer, a gente dá um jeito". Irei indicar.
    Beijos,
    www.comsuspiros.com

    ResponderExcluir
  17. "Você não precisa desistir de amar, mas precisa parar de se culpar pela ausência de alguém que não quer estar presente. " Quando passei por isso, tomei pra mim uma fala - ele nao quer seu mau mas tbm nao te faz bem. A gente tem que aprender a dar importancia para aquilo que realmente importa, ser nossa propria prioridade <3 respeitar nossos limites.
    caosarrumado.com

    ResponderExcluir
  18. Menina! Que lindo o texto, aliás cada pedacinho do seu blog é maravilhosooo
    Planeta Erótico - Vibradores

    ResponderExcluir

Entre Cartas e Amores - Blog de textos, comportamento, amores e resenhas literárias. Conta pra gente o que você achou ♥

Tecnologia do Blogger.