Ads Top

Como sair da bad: 07 coisas que você pode fazer

Como sair da bad







Sempre tem aqueles dias que mesmo sem ter acontecido nada, vem aquela bad e coloca o nosso humor lá em baixo, fazendo a gente não ter a menor vontade de sair das cobertas e existir no mundo. É normal e todo mundo tem. Mas, apesar de vez ou outra ser até bom curtir uma fossa, a gente nem sempre pode se dar ao luxo de fazer isso. Então, segue uma pequena listinha de coisas que a gente pode fazer pra reverter essa situação e tentar sair da bad. 


01. Tome um banho bem quentinho e demorado 


Acho que já é senso comum que um banho demorado tem um poder revigorante, que ajuda a acalmar e melhorar o humor. Desestressante, podemos dizer. É que durante o nosso dia é muito raro termos algum momento em que não precisamos estar de fato focando em alguma outra coisa. Nós acordamos já pensando em tudo que precisamos fazer, nos arrumamos, comemos e vivemos pensando em cada uma de nossas atividades. No banho, é um dos poucos momentos em que chegamos perto de desligar um pouco a mente. Por isso as nossas melhores ideias costumam ser lá, estamos finalmente desligando a mente das obrigações e deixando ela livre pro resto. É revigorante deixar a água quente bater no corpo e as ideias fluírem. Às vezes é só o que a gente precisa pra sair da bad e melhorar o dia. 

02. Exercite-se


É sério, por mais sedentário que você possa ser, fazer um exercício quando a bad bate pode ter um resultado incrível. Se o dia estiver bonito e você puder sair ao ar livre dar uma caminhada, uns 20 minutos que seja, pode fazer milagres pelo seu humor. É uma forma gostosa de a gente se sentir vivo e sentir que tá fazendo algo pela gente. Passamos tanto do nosso dia fazendo coisas tão programadas que muitas vezes esquecemos do quanto é importante ter um tempinho pra cuidar da gente. A sensação que exercícios podem trazer é maravilhosa nesse sentido.


como sair da bad dicas


03. Cozinhe algo que você goste de comer. 


Pancinha feliz é um dos caminhos mais fáceis pra ficar de bom humor. E cozinhar pode ser uma ótima maneira de desestressar e melhorar o dia. Não é atoa que a gente vê tanto por aí o termo "cozinhaterapia" né? É novamente a ideia de tirar um tempinho do seu dia pra fazer algo por você e pra você. 

04. Assista seu filme preferido 


Deitar no sofá, um pote de pipoca, um copo de refri ou um chocolate quente... que visão maravilhosa, não é? Às vezes a gente só precisa disso. Desse tempinho de curtir um pouquinho a nossa bad sozinhos pra depois poder levantar e mandar ela embora. Se não funcionar, pelo menos você reassistiu aquele filme que tanto gosta.


Como sair da bad

05. Escute uma playlist bem animada 


Músicas tem um poder incrível de mudar o nosso humor. Às vezes basta colocar uma música bem animada no volume mais alto e sair dançando pela casa pra gente se animar também. Ou uma playlist inteira delas. Dançar e escutar mensagens alto astral com aquela batida animada é um jeito bem gostoso de sair da bad.

06. Faça uma lista de coisas que você quer fazer


Tentar encontrar algo pra se motivar pode ajudar muito a sair da bad. E um jeito muito legal de fazer isso é pegar um papel, uma caneta, sentar e começar a listar as coisas que você gostaria de fazer, seja na semana, no mês, no ano, na vida. É muito mais fácil se sentir feliz e viva quando a gente tem objetivos e planos gostosos de coisas que a gente quer fazer/conquistar pra nos motivar. 

07. Dê uma volta 


Pra qualquer lugar. Só levanta da cama e sai um pouquinho, olhar o céu, as vitrines, as pessoas. Se por perto tiver uma lancheria, padaria, sorveteria ou algo do tipo onde você possa passar e se mimar um pouquinho, melhor ainda. Caminhar, mudar o cenário, respirar podem dar uma revigorada maravilhosa no seu dia e no seu humor.


Karoline Krahl

3 comentários:

  1. Esse post é maravilhoso, meu Deus. Amei demais...
    Sobre os itens e o que acho ou faço:
    1- Sempre digo que banho quente lava a alma, parece que uns minutos debaixo d'água, deixando ela correr pelo corpo, aquilo lava - literalmente - tudo na gente. Muitas vezes, quando estou muito estressada e quase explodindo, entro no banho e me permito sentir, então vejo que as lágrimas correm fácil, mas da mesma forma que caíram, elas cessam. Me acalmando demais.
    2- Nem preciso falar sobre este item, né? Eu que era muito sedentária, hoje faço exercício todos os dias, e isso me ajuda muito. O que mais me deixava na bad era meu problema de ansiedade e agora eu raramente tenho isso, me exercitar, além de me manter mais saudável física e mentalmente, me ajuda a colocar tudo pra fora. Por exemplo, se estou muito brava ou irritada com algo, vou pra academia e me dedico bastante aos exercícios, aliviando a tensão.
    3- Definitivamente não gosto de cozinhar, essa eu descarto facilmente, kkk.
    4- Não gosto muito de assistir meus filmes ou séries preferidos nesses momentos, sempre acabo me irritando mais. Mas já aconteceu de eu estar assim e assistir TWD, minha série preferida, e me sentir bem melhor depois de um dia inteiro de maratona, kkk.
    5- Haha, jura né? Eu sou daquelas que tá na desgraça e escuta play triste pra desgraçar ainda mais. Gosto de colocar pra fora, gosto de chorar, só assim eu sinto que aliviou, sabe?
    6- Não cola comigo, quando estou na bad tudo que menos quero fazer é pensar, e criar lista de afazeres me deixa irritada nesses momentos, pois tenho problemas de organização, aí tenho que esquematizar as coisas e isso me deixa bolada.
    7- Ajuda, mas ainda prefiro ficar na cama. Eu trocaria esse item por ficar lendo...

    Beijos,
    Blog Gaby Dahmer

    ResponderExcluir
  2. Eu já perdi as contas de quantas vezes já entrei no chuveiro para dar aquela choradinha básica... Quando dividia quarto com a minha irmã, então, era quase necessário! Sou uma eterna adepta à prática!
    Assistir a um "confort movie" também é outra coisa que salva o coração nessas horas. Eu adicionaria um item a essa lista: lavar louça! Nossa, transformar uma pia caótica na perfeição de limpeza ameniza qualquer bad!

    ResponderExcluir
  3. Música é a coisa que mais me anima, mas existe um detalhe pra mim: Eu não consigo ouvir músicas animadas se estou triste. HAHAHAHA

    Adorei o post! Realmente quando estamos nessas fases o melhor a se fazer é procurar coisas que ocupem nossa mente e não deixem espaços vagos pra tristeza ou pra focarmos no que nos deixou assim. Pode parecer egoismo até, mas é pelo bem da nossa saúde.

    Blog - Bilhetes de Busan

    ResponderExcluir

Entre Cartas e Amores - Blog de textos, comportamento, amores e resenhas literárias. Conta pra gente o que você achou ♥

Tecnologia do Blogger.