Ads Top

O que acontece quando dá certo?



A possibilidade de dar errado nunca foi um problema pra mim e ninguém nunca conseguiu me entender direito, mas o que me assusta de verdade é a possibilidade de dar certo.

Sou acostumada ao ritmo das coisas dando errado. Quer dizer, errado é uma forma grosseira demais de se falar. Eu estou acostumada às coisas não darem certo. Não darem certo da forma que todo mundo costuma achar que é certo. Mais do acostumada: eu gosto disso.

Gosto desse ciclo: conhecer alguém, me apaixonar, conhecer um novo mundo e dividir o meu até que esses mundos não possam mais coexistir juntos e eu pegue minha bagagem pra recomeçar em um novo ciclo.

Gosto dessa ideia de que uma hora você vai partir. Ou que eu vou partir. Gosto porque assim não preciso mudar minha rotina pra poder te encaixar nela. Gosto porque é mais fácil esperar a sua partida do que encontrar um espaço pra você no meio dessa confusão que sou. 

O que acontece quando dá certo? Como a gente sabe o que fazer?  O que vem depois daquela euforia dos primeiros meses quando a rotina decide bater na porta e é preciso encontrar um jeito de conciliar dois mundos tão distintos? Como a gente faz pra funcionar? Como a gente baixa a guarda a ponto de acreditar que o outro vai querer permanecer mesmo quando eu já não for mais uma novidade instigante?

É por isso que eu gosto das coisas dando errado. Não preciso me preocupar com todos esses "e agora, o que eu faço, o que fazemos, o que vem daqui pra frente?" 

Gosto porque é mais fácil esperar desde o início que você vá embora do que ser pega de surpresa quando já tinha redecorado tudo acreditando que você ficaria.


Nenhum comentário:

Entre Cartas e Amores - Blog de textos, comportamento, amores e resenhas literárias. Conta pra gente o que você achou ♥

Tecnologia do Blogger.